Siga-nos nas Redes Sociais

Produtividade

As moedas do século 21, parte 4

Sergio Kulpas

Publicado

em

Tempo, atenção, silêncio, intimidade e privacidade. Vivemos em um mundo onde a noção do que é “valioso” está em transformação. Historicamente, chamamos de “precioso” ou “valioso” coisas que são raras e especiais: alguns minerais como ouro, prata, platina, cristais rochosos como diamantes e rubis. Seguindo a mesma lógica, esses itens impalpáveis, imateriais, são muito raros e especiais, e estão tornando-se as “commodities” mais valiosas do século 21. Vamos falar aqui sobre cada uma dessas novas medidas de valor e sua influência no mundo atual.

Como definir intimidade no século 21?

O conceito de intimidade tem muitos pontos em comum com a noção de privacidade, e é fácil confundir essas duas noções.

Digamos que privacidade é mais abrangente, e mais prática, do que a intimidade. A privacidade, que é o tema do próximo texto dessa série, inclui uma série de aspectos que são relacionados com impacto econômico e com atividades criminais, como o furto de dados pessoais.

A intimidade existe em uma esfera mais emocional, e isso torna mais complexa sua definição. Penso nos versos da grande poeta Cecília Meireles, falando sobre liberdade: “Liberdade é uma palavra que o sonho humano alimenta, não há ninguém que explique e ninguém que não entenda.” É mais fácil, portanto, definir a falta de intimidade do que sua presença, sua essência.

No mundo pós-industrial, a intimidade é um bem muito raro. Há um século e meio ou mais, nutrimos uma impessoalidade nas relações humanas, com a justificativa questionável de que desse modo teríamos uma sociedade mais eficiente e produtiva.

Temos com isso uma cordialidade tacitamente afetada no dia a dia, uma imitação ou emulação de intimidade nas relações cotidianas – seja com prestadores de serviços, vizinhos ou estranhos na rua. Respostas automáticas, sorrisos forçados, roteiros de perguntas e respostas. Todos nos acostumamos com isso ao longo do tempo, nos grandes centros urbanos.

Os moradores de grandes cidades sentem um choque ao visitar ou mudar para uma pequena comunidade. Em cidades menores, as regras de convivência são o principal indicador do conceito de intimidade. As relações são baseadas em familiaridade e confiança, indicando o modo como as pessoas firmam relacionamentos com estranhos: relações íntimas, mas não promíscuas, nem ingênuas. Em comunidades pequenas, uma violação de confiança representa uma ruptura profunda, geralmente irreversível. Não é como um problema de crédito financeiro, que pode ser restaurado por meio de um acordo comercial.

A intimidade é uma moeda do século 21 justamente porque seu valor social é muito elevado, e suas violações causam danos muito grandes. Enquanto a violação de privacidade pode ser exemplificada pelo furto de dados bancários ou detalhes sobre preferências de consumo, a invasão de intimidade é o acesso indevido à vida íntima do outro – sua sexualidade, suas opiniões políticas e morais, suas ideias sobre a sociedade. A violação de privacidade é geralmente motivada por ganância financeira, já a invasão de intimidade pressupõe uma tentativa de controle comportamental e moral sobre a vítima. Violar a intimidade se torna crime pelo abuso da confiança de outrem, motivada por chantagem ou extorsão.

Proteger a intimidade no século 21 é algo muito complexo e custoso. Mesmo pessoas notavelmente ricas e influentes já descobriram que é mais complicado blindar sua intimidade do que proteger seus dados financeiros e patrimoniais. Basta pensar no número de celebridades que tiveram suas “sex tapes” vazadas na internet – violações de intimidade cometidas por hackers ou pelxs próprixs parceirxs. Cenas de sexo com personalidades reconhecidas são em si uma grande moeda na nossa era, e dessa forma se espalham de modo muito veloz pelas redes sociais

Fama, poder econômico ou proeminência política e social não são suficientes para impedir as violações de intimidade. Um exemplo lapidar: a cantora e atriz Barbra Streisand se irritou com a divulgação de imagens de sua mansão na praia de Malibu, na Califórnia. Streisand processou o fotógrafo, que não era um “paparazzo”: Kenneth Adelman estava apenas documentando o processo de erosão na costa californiana, com o objetivo de alertar as autoridades públicas sobre o problema. As imagens da casa da cantora haviam sido vistas apenas seis vezes antes do início do processo, e depois da queixa de Streisand, esse número disparou para mais de 500.000 views no primeiro mês. O caso deu origem a um verbete enciclopédico sobre o tema, chamado “Streisand effect”. Apesar de rica e influente, Barbra Streisand não pode mais conter a difusão das imagens, devido ao caráter fluido e incontrolável da internet.

Presidentes de países, ministros, CEOs de grandes empresas, dirigentes de organizações públicas e privadas: todas as categorias de pessoas ricas e famosas sofreram com a violação de sua intimidade. Em alguns casos, essas pessoas foram flagradas cometendo delitos ou crimes. Em várias ocasiões, o crime foi cometido contra essas pessoas, ao expor comportamentos pessoais.

Quanto vale a intimidade no século 21, quando ela representa uma palavra que o sonho humano alimenta, não há ninguém que explique e ninguém que não entenda?

Foto: Bruno Creste, colaborador do Jornal 140.

*O Jornal 140 não se responsabiliza pela opinião dos autores deste coletivo.

Sergio Kulpas é escritor e jornalista, com 25 anos de atividade em redações. Passou pela Folha de S. Paulo, O Estado de S. Paulo, Gazeta Mercantil, Diário do Comércio, Meio & Mensagem e vários sites especializados em comunicações e mídia.

Continuar Lendo
Publicidade
Comentários

Produtividade

Sua equipe é eficaz?

Euriale Voidela

Publicado

em

Por trás de cada negócio estão pessoas – elas são sua força motriz, elas decidem sobre o sucesso ou o fracasso! Você pode ter uma ótima ideia para um produto ou serviço, um plano de negócios brilhante, mas se você não tem uma equipe eficaz, será difícil realizar qualquer coisa e mesmo que inicialmente você caminhe sozinho, não chegará tão longe quando com um time!

A “Transformação Digital” está presente em nossas vidas e sou uma fã enorme do mundo digital. Ela é um ponto de facilitação, de otimização, de melhoria nos processos, ganho de tempo e performance em muitos segmentos, mas todas foram programadas e desenvolvidas por humanos! Possuir uma equipe altamente alinhada com os propósitos de sua marca e engajados com o sucesso da empresa, irão sim garantir o sucesso de qualquer projeto. Então, se você é um gestor e quer construir uma equipe eficaz focada no sucesso, vou relacionar algumas dicas para você!

Vamos começar com a EFICIÊNCIA.  O conceito de eficiência está altamente alinhado a META, sendo este ponto importante e fundamental para a gestão de qualquer equipe. – “A eficiência é uma ação direcional que visa atingir um objetivo específico, em um momento específico, com o uso otimizado dos recursos disponíveis.”

LIDERANDO COM OBJETIVO –  Por que uma meta é necessária? Independentemente de quanto a equipe é capaz de fazer, independentemente de ser uma atividade operacional diária regular, tomar iniciativas de ação ou implementar um projeto grande, é importante sabermos qual a meta que queremos alcançar e quais resultados aparecerão ao final de nossos esforços. Não se trata de fazer algo apenas por fazer. O objetivo deve ser S.M.A.R.T.: específico, mensurável, alcançável, relevante e oportuno. Esta é uma técnica simples que pode lhe ajudar muito!

LIDERANDO COM VISÃO – Ainda mais acima do objetivo deve ser uma visão que responda à pergunta: Para que estamos fazendo isso? Que sentido maior tem a nossa ação e que valor ela gera? Compreender, e até mesmo uma melhor identificação com a visão como suprema, é extremamente importante para a motivação da equipe para o trabalho. Se nos identificamos com algo maior, que inclui, como um guarda-chuva, uma meta operacional, então fazemos nosso trabalho com mais vontade – porque fazemos algo que entendemos e queremos, não algo que devemos fazer. A comunicação com a equipe é papel fundamental com a equipe para que a visão esteja uniformemente alinhada entre todos os integrantes da equipe. O engajamento do time tem dentre os pilares, a união entre todos.

LIDERANDO COM UM PLANO – Cada equipe também precisa de um plano para ser eficaz. Informações sobre o passo a passo do que faremos e como faremos, o líder como um grande guia. Um bom plano é caracterizado não apenas pela organização de ações específicas no tempo, de modo a nos levar ao objetivo assumido, mas também deve especificar quais recursos e de que maneira ideal para fazê-lo. O plano é o nosso mapa e guia, que mostra como devemos nos mover, a que ritmo, em que sequência de ações executadas. Ele permite que você mantenha a disciplina e o foco na tarefa. Mais uma vez, destaque a COMUNICAÇÃO para que todos do time estejam informados sobre as evoluções e diretrizes. O plano pode ser ótimo, mas sem uma comunicação eficaz, estará fadado ao fragrasso.

LÍDER – Cada equipe deve ser liderada por um gestor – a pessoa que lidera toda a equipe e abaixo relacionamos alguns pontos importantes desta atividade:

  • Passar a visão e definir claramente a meta e transmitir a todos de fora igualitária,
  • Seleção adequada dos membros da equipe com base em sua experiência, competências e talentos – uma equipe diversificada é a chave para o sucesso,
  • Atribuir papéis, tarefas e responsabilidades a cada membro da equipe,
  • Realizar apoio contínuo para equipe e direcionamento para as melhores decisões que são necessários durante a implementação das tarefas,
  • Garantir ferramentas e recursos para executar tarefas junto ao time,
  • Monitoramento contínuo da implementação e feedback de cada fase do plano,
  • Remover distrações que podem causar interferência, perda de foco e retardar o trabalho da equipe,
  • Motivar e recompensar por um trabalho bem feito sempre e prestar feedback em particular quando algo não está dentro do esperado,
  • Cuidar da atmosfera certa e da comunicação contínua,
  • Resolução de conflitos – se necessário.

PESSOAS – O líder como grande gestor necessita gostar muito de pessoas e transbordar tal paixão a todos da equipe de forma a que todos desejem realmente trabalhar em equipe. A equipe deve trabalhar em conjunto sim de forma a maximizar os talentos individuais, o conhecimento e as habilidades de cada membro. Celebrar os sucessos juntos, mas também experimentar o sabor amargo do fracasso juntos com maturidade e unidos ainda mais. É realmente estar juntos, experimentando e aprendendo juntos, especialmente quando nem tudo acontece como gostaríamos, nos dá mais sabedoria, nos desenvolve e nos prepara para o futuro. Em uma equipe leal, podemos desencadear a paixão, temos a chance de nos realizar, sentir satisfação com o que fazemos. Esse é o combustível que nos apressará e nos impulsionará nos próximos desafios.

Em suma, uma equipe eficaz é aquela que sabe quais metas ela realiza e compreende como elas se relacionam com uma visão mais ampla da empresa ou com a meta abrangente. É uma equipe motivada e liderada por um líder que é capaz de gerenciá-la adequadamente, acertar contas, aplicar e recompensar, garantindo o ambiente de trabalho correto e uma comunicação eficaz.

Foto: Quino Al / Unsplash

*O Jornal 140 não se responsabiliza pela opinião dos autores deste coletivo.
Continuar Lendo

Produtividade

Espaços gratuitos de co-working disponíveis em São Paulo

Tatiana Perez

Publicado

em

O aluguel de um escritório ou sala comercial pode onerar muito o custo fixo de um negócio, e ao mesmo tempo em que o trabalho estilo home office oferece liberdade, às vezes sentimos a necessidade de sair um pouco e socializar com outras pessoas.

Escritórios compartilhados dão visibilidade ao empreendimento além de favorecer a integração e a troca de experiências com pessoas de diferentes áreas. Esse post tem como objetivo divulgar espaços na cidade de São Paulo que oferecem internet e pontos de trabalho gratuitos.

Co-working Sebrae – SP

Localizado no lindo Palácio dos Campos Elíseos, o co-working oferece acesso à internet, baias para trabalho, cabines para ligações ou videoconferências e estacionamento gratuito.

Inscrições aqui e maiores informações pelo tel 0800-5700800.

Hub/sp

A hub/sp oferece infraestrutura completa com vestiários, bicicletário, copa e 110 pontos de trabalho. Está localizada no bairro Jaguaré e visitantes esporádicos podem utilizar gratuitamente o espaços e serviços compartilhados mediante disponibilidade.

Cadastre-se previamente aqui.

Espaço do Google para startups

Localizado no Paraíso, conta com uma cafeteria bem interessante e wifi gratuito. Permite acesso através de um passe temporário a quem deseje conhecer o espaço. A distribuição de passes temporários não exige cadastro prévio, mas está sujeita à lotação. O espaço frequentemente oferece oportunidade de residência para startups em fase de crescimento, com programa de mentoria.

Coworking Spaces FIAP

Com endereços em excelentes localidades em São Paulo, a Faculdade FIAP permite o uso gratuito do espaço com pontos de energia e wifi gratuito. Para ter direito a uso, é necessárior agendamento prévio. Alunos, ex-alunos, colaboradores e professores da FIAP e pessoas sem vínculo com a instituição, que desejem desenvolver projetos na área de TI podem ter acesso ao local.

Av. Paulista, 1.106, 7º andar

Rua Fidêncio Ramos, 308 – 7º andar – Torre A

Conhece algum? Faz uso de alguma outra sala? Deixe um comentário para manter o artigo atualizado.

Foto: Mika Baumeister / Unsplash

*O Jornal 140 não se responsabiliza pela opinião dos autores deste coletivo.
Continuar Lendo

Trending