Fundos Imobiliários e Tecnologia: entrevista com Francke Peixoto, do Fala FII

O perfil do brasileiro finalmente começa a mudar um pouco com relação a finanças e a B3 atingiu um número histórico, com mais de 1 milhão de CPFs cadastrados em sua base no mês de abril de 2019. Muito disso se deve a ampla disseminação de conhecimento feita através das redes sociais. Conversamos com Francke Peixoto, criador da página no Facebook Fala FII e do bot FIIzinho, um web crawler que traz informações e fatos relevantes sobre Fundos Imobiliários.

Francke, você e alguns amigos possuem um grupo no Telegram com inscritos que trocam informações sobre Fundos Imobiliários. Quando o grupo foi criado e qual é o perfil dos integrantes?

O grupo foi criado em Junho de 2018. Acredito que hoje, o Grupo Fala FII é o maior grupo de Fundos Imobiliários no Telegram com 3.2k (3.252) pessoas com uma média diária de 765 pessoas online. O público é composto por professores da área, investidores diversos e também por quem está começando.

Quando você começou a investir em fundos imobiliários?

Fiz meu primeiro aporte em janeiro de 2016, após estudar por 1 ano o segmento de FIIs. Nessa época criei a página do facebook Fala FII. O nome é uma espécie de metáfora para forçar os FIIs falarem mais facilmente ao mundo. A criação da página no Facebook chamou atenção de alguns gurus do segmento, como Arthur do InfoMoney e o Tetzner, especialista em FIIs. O boom do Fala FII aconteceu em outubro de 2017, quando foi citado no programa do InfoMoney em outubro de 2017.

Como você avalia atualmente o perfil do brasileiro com relação a educação financeira?

Muito imaturo, ainda falta ler bastante Pai Rico Pai Pobre.

Você desenvolveu um robô que reune em um só lugar informações sobre fundos imobiliários e automatiza a busca de informações e fatos relevantes. Fale um pouco mais sobre ele.

Quando comecei a investir em FIIs, eu usava alguns robôs para me enviar notícias sobre os mercado de fundo imobiliário. Naquela época, (meados de 2015) eu estava com um catálogo enorme de conteúdo sobre FIIs, e tinha notado que esse tipo de investimento não era muito divulgado. Outra coisa muito singular que notei, foi a demora na propagação de informação de um gestor ao investidor final.

Após isso fiz uma pesquisa com os usuários para entender como eles buscam informação para investir em FIIs. O resultado desta pesquisa, criei um App chamado PLANTÃO FII, a primeira versão do robô. A versão atual do robô só existe por conta do Marcelo, que me perturbou para criar o grupo no Telegram.

Quando descobri que o Telegram disponibilizava recursos para criar um bot, meu horizonte se abriu, além do grupo eu poderia criar uma ferramenta que ajudaria tanto nas análises, quanto no acompanhamento de notícias do mercado de FIIs e de quebra uma sala de bate papo para troca de experiência… assim iniciou o que temos hoje. Atualmente o robô está na versão 2 e com mais recursos, o intuito atual é facilitar o acesso a informação publicados pelos gestores de fundos em tempo real, sem ter que esperar ser publicado por casas de análise.

Com o bot FIIzinho, o usuário tem acesso as notícias informadas pelo gestor de forma fácil e rápida, no momento em que o gestor o divulga. Sites como o FIIs.com.br, só divulgam essas informações no final do dia, assim como valores de proventos, fatos relevantes e etc..

Pensando em aplicabilidade de tecnologia da informação com uso para o mercado financeiro, o que você acha que vem por aí em tendências?

Acredito que é algo promissor que para os FIIs. Ainda não tem muita exploração, mas quando o mercado crescer, isso vai mudar.

Qual a melhor forma de avaliar um fundo imobiliário e começar a investir?

Na minha opinião, a primeira leitura para qualquer pessoa que está iniciando em FIIs, seria ler o iniciar lendo o Guia de Fundos de Investimento Imobiliários.

Após esse material, assistir as palestras da CVM, explicando como esse segmento flui, assim com são seus riscos e suas instruções normativas. Após isso, ele poderia procurar os ativos com mais liquidez e ler seus relatórios gerenciais, balanços e etc… após um tempo estudando, fazer simulações com o ativo. Hoje o FIIs.com.br tem uma área onde os FIIs são divididos por tipo. É bem provavel que o iniciante procure os FIIs com um tipo ‘tangivel’ (tijolo). Esse site tem uma lista bem legal com tudo que vc precisa para estudar.

Para saber mais: Telegram: https://t.me/falafiigrupo – Facebook: https://www.facebook.com/falaFII/ – Instagram: https://www.instagram.com/fala.fii/ – Twitter: https://twitter.com/fala_fii – Robô: https://t.me/FIIzinho_bot – Seja um padrinho / madrinha do robô: https://www.padrim.com.br/falafii

Deixe uma resposta